Projeções do mercado

É a décima quarta semana consecutiva de queda na projeção para o IPCA e de elevação do PIB para este ano; estimativa para o dólar continua em R$ 5,20

Boletim Focus - Banco Central - Eleição 2022 Primeiro Turno
(Reprodução/ BC)
 

O mercado financeiro manteve na semana a tendência de reduzir a expectativa de inflação para 2022 e 2023 e a elevar a projeção para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) para este ano, conforme mostram dados do Boletim Focus divulgados nesta segunda-feira (03) pelo Banco Central.

Segundo as instituições financeiras consultadas semanalmente pelo BC, a expectativa para o IPCA deste ano passou de 5,88 há uma semana para 5,74%.

Já a projeção de alta do PIB subiu de 2,67% para 2,70% neste ano e também foi elevada, de 0,50% para 0,53% em 2023.

Foi a décima quarta semana consecutiva de queda na projeção para o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) deste ano.  Para 2022, também são 14 semanas seguidas de projeções de alta para a estimativa do PIB.

A projeção do IPCA para 2024 foi mantida em 3,50%.

Câmbio e juros

A estimativa para o dólar também está estável há dez semanas, com cotação prevista em R$ 5,20 por US$ 1, tanto para 2022 como para 2023. Para 2024, está mantida em R$ 5,10.

Balança comercial

Os economistas do mercado financeiro reduziram a estimativa de superávit da balança comercial em 2022 de US$ 62,00 bilhões para US$ 61,50 bilhões, ante US$ 68,03 bilhões de um mês atrás, segundo a pesquisa Focus realizada pelo Banco Central. Para 2023, a projeção subiu de US$ 59,90 bilhões para US$ 60,00 bilhões, mesmo valor de quatro semanas antes.

No caso da projeção de déficit em conta corrente do balanço de pagamentos em 2022, a mediana passou de US$ 27,03 bilhões para US$ 31,00 bilhões, contra US$ 19,10 bilhões de um mês atrás. Em 2023, a projeção para o rombo em transações correntes variou de US$ 31,82 bilhões para US$ 31,45 bilhões. Há um mês, a expectativa era deficitária em US$ 30,00 bilhões.

Para os analistas consultados semanalmente pelo BC, o ingresso de Investimento Direto no País (IDP) será suficiente para cobrir o rombo em transações correntes nesses anos.

A mediana das previsões para o IDP em 2022 subiu de US$ 61,00 bilhões para US$ 65,00 bilhões, ante US$ 60,00 bilhões de um mês atrás. Para 2023, continuou em US$ 65,00 bilhões, de US$ 66,00 bilhões há quatro semanas.

INFOMONEY

https://www.infomoney.com.br/economia/boletim-focus-expectativa-de-inflacao-para-2022-volta-a-cair-e-do-pib-mantem-alta/